quinta-feira, 28 de julho de 2011

πδ (pi-delta) explica: Golens!

Caros aventureiros, a melancólica última quinta-feira de julho desperta no horizonte. Hoje πδ (pi-delta) nos traz mais um pouco de seu repertório arcano. Bom final de férias a todos.

πδ (pi-delta) explica: Golens!

GOLENS!! Os terrores do mago/feiticeiro/conjuradores despreparados! Ou será?

(Minhas divagações concentrar-se-ão sobre magias de magos/feiticeiros, pois tenho mais familiaridade com elas)!

Voltando ao tópico presente: se os conjuradores não estiverem com um item anti-golem ou com as magias específicas preparadas (pois cada golem possui uma vulnerabilidade), muitos entram em pânico (principalmente os menos experientes)!!

Mas há ESPERANÇA caros conjuradores!! A descrição dos golens do Livro dos Monstros diz que os golens são "imunes à qualquer magia ou habilidade similar à magia que permita Resistência à Magia". A nossa salvação está nestas quatro últimas palavras: PERMITA RESISTÊNCIA À MAGIA.

Ora, muitas magias não possuem RM. Pessoalmente contei mais de 90 magias que não tem RM, desde Alarme até Ventriloquismo. Mas o segredo está em separar as magias mais úteis (do que alarme vai adiantar durante o combate?!)

Aqui estão algumas sugestões de magias sem RM que podem ser úteis:

1. Névoa ácida: isso mesmo, não tem RM, logo o golem também vai tomar dano. Além disso, vai reduzir o deslocamento do golem bastante. Mas cuidado, o golem de barro regenera quando toma dano de ácido! E cuidado para não conjurar isto entre seu grupo sem as devidas proteções;
Tentáculos Negros: seu ás na manga.

2. Tentáculos Negros de Evard: eles podem tentar agarrar os golens, mas cuidado também com os membros do grupo;

3. Flecha de Chamas: melhor que não dar nenhum dano em combate, mas cuidado com golens de ferro que regeneram com fogo;

4. Cubo de Força: nossa salvação milagrosa! Se a situação estiver deseperadora, conjure um cubo sem barras e fuja. Ou então conjure um com barras e deixe seus ataques à distância fazerem o resto;

5. Área escorregadia: você já viu um golem cair? É deveras engraçado! E com os reflexos baixos da maioria dos golens, é tiro e (literalmente) queda;

6. Nuvem incendiária: cuidado com o grupo e golens de ferro;

7. Flecha ácida de Melf: outro ataque à distância útil. Cuidado com golens de barro;

8. Muralhas de ferro e pedra: boas para garantirem um tempo adicional de preparo ou um escape rápido;

9. Inverter gravidade: outra situação hilária! Imaginem um golem de ferro de 2,5 toneladas balançando indefeso no ar;

10. Finalmente, Repelir Metal ou Pedra é uma ótima opção para druidas manterem golens à distância.

Então lembrem-se: mesmo despreparados, não há nada de tão aterrorizante em golens para nós conjuradores. Boas aventuras.

Outras sugestões são bem vindas!

4 comentários:

  1. Realmente, um verdadeiro "kit de sobrevivência" para conjuradores!

    Bardos poderiam ganhar uma fortuna vendendo este tipo de informação em uma campanha...

    ResponderExcluir
  2. Hohohohoho, obrigada pela ideia, Odin! Brincadeira. Mas muito boas mesmo essas dicas!

    ResponderExcluir
  3. Faltou a "névoa mortal" que é indispensável contra rakshassas...
    E um adendo no "Reverter Gravidade", cuidado para o golem ou inimigo passar na resistencia e o grupo falhar no teste... Realmente contra golens não é tão perigoso, mas contra inimigos com ataque a distância é... inconveniente...

    ResponderExcluir